Menu fechado

Núcleo de Meio Ambiente da Acic lança Selo de Melhores Práticas de Sustentabilidade Ambiental

Empresas com iniciativas voltadas à preservação ambiental e à responsabilidade social serão reconhecidas com o Selo de Melhores Práticas de Sustentabilidade Ambiental do Núcleo de Meio Ambiente da Associação Empresarial de Criciúma (Acic). As inscrições para se candidatar à certificação foram abertas no dia 21/07.

“Como signatária do Movimento ODS, a Acic participa e promove ações em sintonia com os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável, contribuindo assim para a melhoria da qualidade de vida da comunidade. Ao reconhecer as empresas também atentas à sustentabilidade, a entidade incentiva que mais iniciativas sejam adotadas no sentido de construir uma sociedade melhor para todos”, afirma o presidente da Acic, Moacir Dagostin.

Conforme Leomar Cardoso Cunha, coordenador do Núcleo de Meio Ambiente da Acic quando da concepção do selo, a ideia da certificação foi inspirada em ações semelhantes desenvolvidas em outras regiões. “Associados viram algo similar em São Paulo e adaptamos à nossa realidade e anseios dos nucleados”, explica.


“No evento em São Paulo, o Pacto por São Paulo, foram discutidas ações relacionadas ao meio ambiente. Várias empresas apresentaram seus cases de sucesso, as ações que estavam realizando e como estavam reduzindo a emissão de gases de efeito estufa, a parte de resíduos, enfim, indo além do que é exigido pela legislação ambiental. De lá, voltamos com a ideia de criar o selo dentro do núcleo, com exatamente esse propósito”, completa a engenheira ambiental e atual coordenadora do núcleo, Émilin de Jesus Casagrande de Souza.

Vale destacar que o núcleo conta com diferentes profissionais de várias empresas, entidades e associações.

E a ACEAMB esteve presente desde sua criação (a cerca de um ano) tendo a Presidente da ACEAMB a Engenheira Ambiental Émilin de Jesus Casagrande de Souza como Coordenadora do Núcleo.

Importância

Na avaliação de Cunha, a importância do selo se reflete em destacar aquelas empresas que têm uma postura proativa e sustentável. “E que atendem a condicionantes ambientais além daquelas já elencadas pelas suas respectivas licenças ambientais. O selo irá agregar na imagem e como um diferencial no que diz respeito aos aspectos ambientais da empresa”, pontua.


“Elas estão trabalhando para fazer um melhor para si e, consequentemente para o meio ambiente. Além de ser uma forma de destacar essas empresas, o selo poderá ser usado como mecanismo de comunicação com o cliente, para mostrar que aquela empresa é ecologicamente correta, tornando assim seus produtos ou serviços diferenciados da concorrência”, enaltece Émilin.

Quem pode se inscrever

Poderão se inscrever à certificação as empresas associadas à Acic, no âmbito da Região Carbonífera, desde que atendam aos pré-requisitos estabelecidos no regulamento, o qual será publicado no site da entidade empresarial na terça-feira.

As participantes devem se enquadrar nas categorias Indústria, Comércio ou Prestação de Serviços. O link para participação também será publicado na página oficial da Acic na internet: https://www.acicri.com.br.

Texto Original: Andréia Limas; Deize Felisberto – Assessoria de Impprensa da Acic.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *